O que preciso de observar para colocar marcas de referência?

Cortar perfeitamente materiais impressos

Muitas aplicações exigem um corte exato que se orienta por marcas de referência existentes ou outras referências de material. Para este fim, eurolaser oferece uma solução inteligente composta por uma câmara CCD e software de avaliação: LaserScout POSITIONplus.

Leitura das marcas de referência
Leitura das marcas de referência

A câmara CCD é instalada diretamente na cabeça de processamento e, no início do processo, procura a peça com base nas marcas de referência definidas. Deste modo é possível digitalizar visualmente marcas de referência impressas, tecidas ou tricotadas, assim como arestas ou contornos com elevado contraste. A posição real e as dimensões da peça são assim reconhecidas exatamente e consideradas automaticamente para o processamento seguinte.

O software da eurolaser LaserScout POSITION consegue fundamentalmente detetar uma diversidade de marcas de referência diferentes. Para alcançar uma detetabilidade e fiabilidade ideais, preparámos algumas informações. É claro que estas não são uma condição obrigatória, mas asseguram um processo de trabalho sem problemas e aumentam a produtividade.

LaserScout POSITIONplus

Observe as seguintes características:

Forma

A forma ou a aparência de uma marca de referência é a característica mais determinante. LaserScout POSITION tem capacidade para detetar uma diversidade de formas. Além de círculos simples, também deteta quadrados, cruzes, ângulos e outros objetos simétricos. Para a deteção por câmara, os círculos são os mais adequados, uma vez que o centro do círculo é igual de todos os lados. Isso é uma vantagem decisiva. Uma cruz (+), por exemplo, transforma-se facilmente num X ao rodar a impressão, deixando de ser detetada.

imagem 1
imagem 1
imagem 2
imagem 2

Contraste

Para a criação das marcas, assegure-se de que existe um contraste suficiente entre a marca e o fundo. A imagem 1 mostra um contraste muito bom. Uma marca preta está colocada sobre um fundo branco. Não transparece uma base nem um motivo de impressão que interrompa o círculo. A imagem 2 tem um fundo mal escolhido. Como não está assegurada uma boa legibilidade, pode haver dificuldades no processo de deteção. Tenha também o cuidado de garantir uma iluminação suficiente do ambiente de trabalho.

Tamanho

A câmara que envia o sinal de imagem ao software encontra-se diretamente na cabeça da ferramenta. Assim regista sempre uma determinada área da superfície da mesa, que corresponde a cerca de 30 x 30 mm. As marcas de referência devem ter um diâmetro de aprox. 6 mm, para que possam ser bem detetadas dentro desta área.

imagem 3
imagem 3
imagem 4
imagem 4

Quantidade

Para cada motivo a cortar são necessárias pelo menos três marcas de referência nos cantos do motivo. Também aqui, em geral aplica-se o seguinte: quantas mais marcas de referência estiverem disponíveis, tanto mais exato será o resultado. Na imagem 3 deteta-se marcas de referência próprias para cada motivo. Assim, ao longo do comprimento do motivo de impressão há mais marcas de referência e o resultado é mais exato. Na imagem 4 foi apenas usado um conjunto de marcas de referência nos cantos de toda a folha. Se só estiverem disponíveis as marcas exteriores, estas só devem ser usadas para um mero posicionamento. Para uma compensação de desvios na impressão recomendamos a utilização de várias marcas de referência.

Uniformidade

O mais conveniente para uma deteção sem erros é todas as marcas de referência estarem concebidas uniformemente. Marcas diferentes têm outros valores offset e, contrariamente a marcas uniformes, a leitura pode atrasar-se e prolongar o seu tempo de produção. 

Se observar estas cinco características na criação das marcas de referência, otimiza o seu fluxo de trabalho e aproveita o potencial completo para o corte preciso de motivos de impressão.


Você tem alguma pergunta? Temos o prazer de aconselhá-lo.

 
© 2015 - 2018 eurolaser GmbH. Todos os direitos reservados.